Conhecimento dos enfermeiros intensivistas acerca do delirium nos pacientes internos nas Unidades de Terapia Intensiva: uma revisão integrativa

Authors

  • Jefferson Josivaldo da Silva
  • Alane Silva Santos
  • Emanuella Batista da Silva
  • Matheus Fernando Gomes de Azevedo
  • Rafaela Fernandes Porto
  • Maria Eullália Victor de Farias
  • Lavínia Maria dos Santos Macêdo
  • Samara Suênia dos Santos
  • José Ruan Luiz da Silva
  • Thammyres Beatriz de Melo
  • Iris Gabrielly da Silva
  • José Isac Silva Farias
  • Ádila Mayra Vieira Alves da Silva
  • Valdenia Rodrigues Teixeira
  • Dallynne Bárbara Ramos Venancio

DOI:

https://doi.org/10.55905/revconv.17n.6-068

Keywords:

Delirium, UTI, cuidados de enfermagem, prevenção

Abstract

O delirium é uma perturbação súbita, flutuante, e geralmente reversível da função mental. É caracterizado por uma incapacidade de prestar atenção, desorientação, incapacidade de pensar com clareza e flutuações do nível de alerta. O enfermeiro tem um papel muito importante na prevenção e controle do delirium, devido à dinâmica de trabalho, consegue identificar precocemente a alteração do nível de consciência do paciente. Esse estudo busca descrever os cuidados de enfermagem para os pacientes com diagnóstico de delirium. Trata-se de uma revisão integrativa da literatura realizada através de dados secundários nas bases: SciElo, BVS, CAPES e PubMed, utilizando os Descritores em Ciências da Saúde (DeCS): Delirium; UTI; Cuidados de Enfermagem; aplicando os critérios de inclusão e exclusão, obteve apenas quatorze estudos para compor a amostra final. Evidenciou-se que o déficit de conhecimento é um fator determinante na qualidade de vida dos pacientes diagnosticados, alguns estudos relataram que os profissionais por vezes não tinham conhecimento sobre os fatores de risco que predispõe o quadro de delirium, outros tinham conhecimento dos fatores de risco, entretanto não tinham entendimento acerca de um método de diagnostico rápido (CAM-ICU). Os resultados dessa revisão abordaram 4 seguimentos, onde esses percorrem desde o conhecimento dos fatores de risco até os cuidados aos pacientes internados e diagnosticados com o quadro. É importante que se tenha conhecimento dos métodos de avaliação utilizados, para que esse diagnóstico aconteça de forma precoce, para isso, faz-se necessário uma capacitação desses profissionais.

References

BENZAMAT, Lyana Reis de Moura; CAMERINI, Flavia Giron; SANTO, Tiago Braga do Espírito; FASSARELLA, Cíntia Silva; FRANCO, Andrezza Serpa; HENRIQUE, Danielle de Mendonça. Ocorrência de delirium em pacientes críticos em unidade intensiva. Ciênc. cuid. saúde, v. 21, e61561, 2022 . [Acessos em 16 abr. 2024] DOI: 10.4025/ciencuidsaude.v21i0.61561.

CARVALHO, Luciana Aparecida Costa. et al. Accuracy of delirium risk factors in adult intensive care unit patients. Rev Esc Enferm USP. 2022;56:e20210222. [Acesso em 16 de abr. 2024]; DOI:10.1590/1980-220X-REEUSP-2021-0222

FONG, Tamara G., INOUYE, Sharon K.The inter-relationship between delirium and dementia: The importance of delirium prevention. Nature Rev Neurol, 18 (10), 579–596, 2022. [Acesso em 16 de abr. 2024] DOI: 10.1038/s41582-022-00698-7

GOIA, Juliana. et al. Assistência de enfermagem ao paciente com delirium na unidade de terapia intensiva: uma revisão integrativa. Rev Nur, 2019; 22 (257); 3214-3219. [Acesso em 16 de abr. 2024]; DOI: 10.36489/nursing.2019v22i257p3214-3219

KINALSKI, Sandra da Silva. Et al. Nursing microtheory in the prevention of delirium in older adult in the intensive care unit. Rev. Latino-Am. Enfermagem. 2023;31: e4071 [Acesso: 16 de abr. 2024]. DOI: 10.1590/1518-8345.6707.4071.

OLIVEIRA Claúdia, NOBRE, Cátia Filipa Garnacho Martins, MARQUES, Rita Margarida Dourado, MENDES Maria Manuela Madureira Lebre, SOUSA, Patrícia Cruz Pontífice. O papel do enfermeiro na prevenção do delirium no paciente adulto/idoso crítico. Revista Cuidarte [Internet]. 23 de junho de 2022 [citado 2 de maio de 2024];13(2). DOI: 10.15649/cuidarte.1983

OLIVEIRA, Katherine, Pithon. et al. Estratégias utilizadas por enfermeiras para minimizar a ocorrência de delirium em pacientes críticos. Rev. Enferm. UFSM. 2020 [Acesso em: 16 de abr. 2024]; vol.10 e21: 1-18. DOI:10.5902/2179769238788

PINHEIRO, Fernanda Gomes de Magalhães Soares. et al. Prevalência e fatores de risco associados ao delirium em uma unidade de terapia intensiva. Acta Paul Enferm. 2022;35:eAPE00646. [Acesso em 16 de abr. 2024] DOI:10.37689/acta-ape/2022AO006466]

ROCHA, Camila Caroline Martiniano., PORTELA, Pollyana Pereira., SANTANA, Thiago da Silva., GÓIS, Joselice Almeida. Cuidado ao paciente com delirium na unidade de terapia intensiva: o olhar do enfermeiro. Rev Enferm UFPI. 2021 10:e809. [Acesso em 16 de abr. 2024]; DOI: 10.26694/reufpi.v10i1.809

SILVA, Ailla Gabrielli Costa. et al. Monitoramento do delirium em pacientes críticos em unidade de terapia intensiva: revisão de literatura. Rev. Fit, Edição 125 AGO/23 SUMÁRIO / 11/09/2023. [Acesso em 16 de abr. 2024]. DOI: 10.5281/zenodo.8333159

SILVA, Veridiana Assêncio, et al. Intensive nursing care to older adults with delirium: a protocol of scoping review. Online Braz J Nurs. 2023;22 Suppl 1:e20236614. [Acesso em 16 de abr. 2024]; DOI:d10.17665/1676-4285.20236614

SOUZA, Regina Cláudia da Silva. et al. Capacitação de enfermeiros na utilização de um instrumento de avaliação de delirium. Rev. Gaúcha Enferm. (Online) 38 (1) 2017 [Acesso em 16 de abr. 2024]; DOI: 10.1590/1983-1447.2017.01.64484

SOUZA, Regina Claudia Silva., MOURA, Edwiges Ita de Miranda., BERSANETI, Mariana Davies Ribeiro. Enfermeiros e as práticas recomendadas no manejo de delirium: estudo transversal. Revista de Enfermagem do Centro-Oeste Mineiro. 2022;12:e4553. [Acesso em 16 de abr. 2024]. DOI:10.19175/recom.v12i0.4553

TOSTES, Isabel Cristina Gomes de Oliveira., PEREIRA Sandra Regina Maciqueira, ALMEIDA, Luana Ferreira., SANTOS, Manasses Moura. Delirium em terapia intensiva: utilização do Confusion Assessment Method for the Intensive Care Unit pelo enfermeiro. Rev Fund Care Online. 2018 jan./mar.; 10(1):2-8. [Acesso em 16 de abr. 2024]; DOI:10.9789/2175-5361.2018.v10i1.2-8

Published

2024-06-07

How to Cite

Silva, J. J. da, Santos, A. S., Silva, E. B. da, Azevedo, M. F. G. de, Porto, R. F., Farias, M. E. V. de, Macêdo, L. M. dos S., Santos, S. S. dos, Silva, J. R. L. da, Melo, T. B. de, Silva, I. G. da, Farias, J. I. S., Silva, Ádila M. V. A. da, Teixeira, V. R., & Venancio, D. B. R. (2024). Conhecimento dos enfermeiros intensivistas acerca do delirium nos pacientes internos nas Unidades de Terapia Intensiva: uma revisão integrativa. CONTRIBUCIONES A LAS CIENCIAS SOCIALES, 17(6), e7322. https://doi.org/10.55905/revconv.17n.6-068

Issue

Section

Articles