O impacto no bem-estar psicológico dos pais diante do diagnóstico do Transtorno do Espectro Autista: uma revisão sistemática

Authors

  • Josué Moura Telles
  • Francisco Carneiro da Silva
  • Flávia Juliana Dourado Paixão
  • José Clécio Silva de Souza
  • Mariel Wágner Holanda Lima
  • Ricardo de Oliveira Ramalho
  • Eliabe Evangelista de Menezes Silva
  • Kayryana da Silva Sousa Lira Lemos
  • Fabiano Madeira Lacerda
  • Fabiano Madeira Lacerda
  • Rose Alves de Oliveira
  • Cristina Arrais Lima

DOI:

https://doi.org/10.55905/revconv.17n.6-165

Keywords:

saúde mental, diagnóstico, Transtorno do Espectro Autista, Autismo

Abstract

O Transtorno do Espectro Autista (TEA) é uma condição complexa e heterogênea que afeta a comunicação, interação social, coordenação motora, níveis de atenção e comportamento, manifestando-se de maneira única em cada indivíduo. Por sua vez, o diagnóstico do TEA envolve a avaliação de diversos profissionais de saúde, como psiquiatras, psicólogos, pediatras, fonoaudiólogos e terapeutas ocupacionais, de modo que a abordagem diagnóstica leva em consideração critérios definidos em manuais diagnósticos, como o Manual Diagnóstico e Estatístico de Transtornos Mentais (DSM-5) e a Classificação Internacional de Doenças (CID-10). O diagnóstico do TEA tem um impacto multifacetado na vida dos responsáveis, influenciando suas emoções, escolhas práticas e perspectivas de vida. Portanto, o objetivo deste estudo foi realizar uma revisão de literatura abordando os principais problemas enfrentados pelos pais de crianças com TEA e entender os impactos na saúde mental dos mesmos mediante o diagnóstico. Através dos artigos selecionados, foi possível observar que, para os pais, receber o diagnóstico de TEA é algo extremamente impactante, que mudará para sempre a vida dessa família, com sentimentos de tristeza, ansiedade e aflição. É importante que os pais recebam suporte psicológico adequado para lidar com as emoções negativas, o estresse e as incertezas que acompanham o diagnóstico, com o intuito de proteger e promover sua saúde mental. Pais emocionalmente saudáveis são capazes de oferecer um ambiente mais estável e acolhedor, o que contribui para o desenvolvimento e bem-estar da criança. Ainda, os pais desempenham um papel fundamental no tratamento da criança, sendo responsáveis por implementar estratégias terapêuticas em casa e apoiar seu progresso.

References

CARMO, I. C. P. et al. Incidência de pensamentos ansiosos nos pais de crianças autistas no município de Porciúncula-RJ. Revista Ibero-Americana de Humanidades, Ciências e Educação, v. 9, n. 8, p. 2737-2757, 2023.

CATUBIGAN, R. V. Mothers’ Voices on Autism Spectrum Disorder: Leaning Towards Sustainable Inclusive Education in Maragusan, Philippines. Discourse and Communication for Sustainable Education, v. 14, n. 1, p. 57-71, 2023.

CHOUDHURY, M. et al. Impact on parents’ psychological well-being of preschool children diagnosed with autism spectrum disorder in the Indian context. Journal for ReAttach Therapy and Developmental Diversities, v. 6, n. 9, p. 131-141, 2023.

FERNANDES, C. S. Diagnóstico de autismo no século XXI: evolução dos domínios nas categorizações nosológicas. Psicologia USP, v. 31, 2020.

JONES, D. et al. Privacy, Safety, and Security in Extended Reality: User Experience Challenges for Neurodiverse Users. In: International Conference on Human-Computer Interaction. Cham: Springer Nature Switzerland, 2023. p. 511-528.

MOHER, D. et al. Preferred reporting items for systematic reviews and meta-analyses: the PRISMA statement. Annals of Internal Medicine, v. 151, n. 4, p. 264-269, 2009.

MOURA EVÊNCIO, K. M. et al. Transtorno do Espectro do Autismo: Considerações sobre o diagnóstico/Autism spectrum disorder: Diagnostic considerations. Revista de psicologia, v. 13, n. 47, p. 234-251, 2019.

NAPITUPULU, L.; KURNIAWAN, Y. Online social support and psychological well-being of caregivers of children with Autism Spectrum Disorder. European Journal of Educational Research, v. 12, p. 927-946, 2023.

NGO, D. et al. Impacts of Paediatric chronic pain on parents: A qualitative study. Child: Care, Health and Development, v. 49, n. 4, p. 645-656, 2023.

OKOYE, C. et al. Early Diagnosis of Autism Spectrum Disorder: A Review and Analysis of the Risks and Benefits. Cureus, v. 15, n. 8, 2023.

SILVA, G. B.; PANSERA, A. C. Sobrecarga, Ansiedade e Depressão em Cuidadores de Crianças no Transtorno do Espectro Autista: Um estudo de correlação. Saúde e Desenvolvimento Humano, v. 11, n. 3, 2023.

SILVA, M. P. F. et al. Importância do apoio psicossocial aos responsáveis de crianças diagnosticadas com Transtorno do Espectro Autista. Revista Encontros Científicos, v. 5, n. 1, 2023.

SOUZA IGNÁCIO, T.; UHMANN, S. M. Transtorno do espectro autista e família: relação que contribui (ou não) para a inclusão escolar. Cadernos Macambira, v. 6, n. 1, p. 174-192, 2021.

Published

2024-06-18

How to Cite

Telles, J. M., Silva, F. C. da, Paixão, F. J. D., Souza, J. C. S. de, Lima, M. W. H., Ramalho, R. de O., Silva, E. E. de M., Lemos, K. da S. S. L., Lacerda, F. M., Lacerda, F. M., Oliveira, R. A. de, & Lima, C. A. (2024). O impacto no bem-estar psicológico dos pais diante do diagnóstico do Transtorno do Espectro Autista: uma revisão sistemática. CONTRIBUCIONES A LAS CIENCIAS SOCIALES, 17(6), e7535. https://doi.org/10.55905/revconv.17n.6-165

Issue

Section

Articles